"Eu te amo"

Fechei os olhos e senti a brisa leve que. batia do mar, fazia alguns meses que não parava para pensar nisso.
Suas mãos encontraram meus ombros e desceram até minha cintura me abraçando.
Era muito engraçado o jeito que você me faz sentir, desde que tudo começou me mostrou que não sou o peixe fora d'água que eu sempre me senti.
Continuei sentada na areia quente, o verão já devia ter acabado, mas acho que nunca gostei tanto dele quanto agora. Você havia me mostrado algumas maneiras de me fazer gostar, acreditar, sentir cada pequena coisa que poderia ser proporcionado a cada ser humano da Terra.
A camiseta que eu vestia na verdade era sua, onde seu perfume havia impregnado, me Dopando.
Você se levantou me estendendo a mão, fiz que não com a cabeça, mas você insistiu, peguei sua mão e você me levou até a água, minha blusa agora já estava completamente encharcada, você me girava, me fazia querer sentir que era especial.
E foi exatamente isso que disse ao pé do meu ouvido me fazendo estremecer.
Parou em minha frente e deu aquele seu sorriso meio torto que deixa você ainda mais fofo do que já é.
Coloquei minhas mãos entrelaçadas em seu pescoço e você me trouxe mais para perto de você, encostando nossas testas encostando seus lábios nos meus e sussurrando "Eu te amo".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entrevista: Maria Venture - Youtuber

Entrevista: TriGo! - Música

WIshlist: Livrinhos mais Amorzinhos