Tudo o que eu queria te dizer

Talvez, esse tenha sido um dos meus inúmeros erros...
Talvez, eu não devesse ter gritado para o mundo o que eu sentia.
Mas, desculpa, eu não aguentava mais, não conseguia mais guardar tudo aquilo pra mim. Não conseguia mais imaginar cenários de romance sem saber realmente saber o que eles significavam.
Sim, eu senti ciúmes daquela loira, que me disseram que seria  bem mais velha que você, (porém já conhecendo a sua fama, o que mais eu poderia dizer?). Senti ciúmes, daquela garota baixinha que esta tenho certeza que era mais nova que você.
Da morena de cabelos compridos, e daquela outra loira que era bem mais alta e magra que eu.
Depois que começamos a conversar de verdade, se eu dissesse que sentia isso por algum garoto qualquer você me diria que eu estaria sendo apenas insegura.
E eu mentalmente concordaria com isso, eu realmente não estava completamente sã, estava tão insegura, com questões simples como meu peso, meu corpo, cabelo, olhos...
Chegou o dia, o dia que resolvi falar, falar tudo o que estava entalado dentro da minha garganta. E eu disse, ou melhor eu explodi, joguei um caminhão de informações em cima de vocês (metaforicamente claro). Você talvez tenha brincado com todas as palavras que eu havia dito, tenha rido e pensado o por que desta louca estar dizendo isso pra você.
Foram os 3 minutos mais demorados e doloridos da minha vida, sabe.... Você me disse que já quis me beijar, mas, se isso ocorresse se sentiria culpado.
Gostaria de entender, culpada, só eu estava me sentido, depois de ter dito tudo aquilo.
Você me disse que não poderíamos, que seria como se estivesse me corrompendo, seria desonesto?
Você dizia que eu era boa de mais para você, mas, se eu era boa de mais eu poderia te tornar bom de mais, pensou nisso?
Acho que não...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entrevista: Maria Venture - Youtuber

Entrevista: TriGo! - Música

WIshlist: Livrinhos mais Amorzinhos